Confusão sexual para salvar uvas

Confusão sexual para salvar uvas

Vinícola portuguesa usa difusor de hormônio contra praga

20 setembro 2016 | 18:37 por Isabelle Moreira Lima

Usar de artimanhas sexuais como armadilha parece algo tirado de folhetim. Mas há casos em que se trata de uma técnica de agricultura. A duriense Quinta de S. Luiz, do grupo Sogevinus, adotou a chamada confusão sexual para proteger suas vinhas contra a traça da uva (Empoasca vitis), que machuca a fruta e permite a entrada de fungos. Leia mais.

Difusor usado nos vinhedos da Quinta de S. Luiz, no Douro, em Portugal.Difusor usado nos vinhedos da Quinta de S. Luiz, no Douro, em Portugal. FOTO: Isabelle Moreira Lima/Estadão