MONTE RORAIMA

 DRONE DA MONTANHA – MONTE RORAIMA

 Samuel Oscar – DRONE DA MONTANHA 

 O Monte Roraima é um dos pontos mais alto do Brasil, com 2.875 metros de altitude, na tríplice fronteira entre Brasil, Guiana e Venezuela. Não bastasse a altura, o lugar impressiona pelas formas esculpidas nas rochas e paredões pela ação dos ventos em meio às savanas Amazônicas. Completam a paisagem, ainda, os rios, as cachoeiras, as esculturas em cristal e as mais de 400 espécies de bromélias.
A formação teve início há cerca de 150 milhões de anos, e há séculos vem povoando a imaginação de aventureiros, cientistas, biólogos, antropólogos, esotéricos e místicos dispostos a tudo para escalar o paredão de pedra e chegar a seu platô.


No platô, uma vasta mesa de arenito de aproximadamente 40 quilômetros quadrados é coberta de blocos e montes de até 30 metros que se elevam por todos os lados. Ali, é possível ter a dimensão do poder do tempo, ao observar as fendas e abismos formados pela ação do vento e das chuvas. Este tipo de montanha não existe em nenhum outro canto do mundo!
Fonte: feriasbrasil.com.br/rr/monteroraima/

CURIOSIDADE
Desde sempre o Roraima despertou interesse e curiosidade. Há várias lendas antigas e mitos desde os primeiros povos que habitavam nas redondezas. Descrito pela primeira vez apenas em 1596, por Sir Walter Raleigh, foi também fonte de inspiração ao criador do famoso detective Sherlock Holmes, Arthur Conan Doyle, para a sua obra de 1912 O mundo perdido.
Inspirado nesse universo exótico, que remete ao período dos dinossauros, em 2009 foi criada a animação americana “UP – Altas Aventuras”